Quarta-feira, 19 de Dezembro de 2018

Buscar   OK



Hora Certa

(71) 9.8141-3780

No Ar


Nenhuma programação cadastrada
para esse horário




Peça sua Música

  • NUARA
    Cidade: CAMACARI
    Música: CAMACARI
  • VERA LUCIA NEPOMUCENO
    Cidade: CAMACARI
    Música: Poesia Acústica 2 - Sobre Nós
  • VERA LUCIA NEPOMUCENO
    Cidade: CAMACARI
    Música: Poesia Acústica 2 - Sobre Nós
  • marcelos
    Cidade: salvador
    Música: O Homem amarelo
  • ELIANE
    Cidade: CAMACARI
    Música: EM QUANTO A CIDADE DORME BRUNO E MARRONE
  • Ueslei
    Cidade: SALVADOR
    Música: Megalopole - Desordem e Regresson
Publicidade Lateral
Top Músicas
1
Nossa Conversa
Kell Smith
2
Pezadão
IZA e Part. de Marcelo Falcão
3
Não encosta
LudmillaPart. DJ Will 22
4
Oh Quem Voltou
Dani Russo e MC Pocahontas feat Naiara Azevedo
5
Solta a Batida
Ludmilla
6
Indecente
Anitta
Bate Papo

Digite seu NOME:


Estatísticas
Visitas: 35014 Usuários Online: 3


Bahia
Publicada em 18/09/18 às 22:16h - 21 visualizações
Baiana de 18 anos com câncer terminal morre um mês após casamento
Baiana de 18 anos com câncer terminal morre um mês após casamento Cidade do Sul do estado se mobilizou para realizar um dos últimos pedidos da jovem

Jornal Correio


 (Foto: Jornal Tribuna)
(Foto: Jornal SulBahiaNews)

Baiana de 18 anos com câncer terminal morre um mês após casamento

Cidade do Sul do estado se mobilizou para realizar um dos últimos pedidos da jovem

Há um mês, a jovem Milena Lima, 18 anos, realizou seu maior sonho: casar e comemorar com um festão. Moradora de Teixeira de Freitas, no Sul da Bahia, ela tinha urgência de subir no altar porque vivia a fase terminal de um tumor ósseo maligno que descobriu há três anos. Depois do matrimônio, o segundo maior sonho da menina era o da cura da doença. Porém, a luta foi interrompida nesta terça-feira (18), quando Milena se sentiu mal na casa da sogra, foi socorrida para uma unidade de saúde, mas não resistiu.

A informação foi confirmada ao CORREIO pela assistência social do Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, onde a jovem recebia tratamento regular. Milena morreu às 14h. A jovem era uma "paciente de suporte", ou seja, que realizava o tratamento no hospital mas retornadava todos os dias para casa - desde o casamento, ela tinha se mudado para a casa da sogra, onde vivia com o marido.

Milena descobriu que tinha a doença após sentir dores no joelho, local em que o câncer estava instalado inicialmente. Pouco tempo depois, o tumor se espalhou para o baço e para a coluna, o que agravou ainda mais a situação.

Milena vai ser enterrada no Cemitério Municipal de Teixeira de Freitas na manhã dessa quarta-feira (19). 

Milena vai ser enterrada nesta quarta-feira (19)  (Foto: Jornal SulBahiaNews)

Grande sonho
O avanço rápido da doença e a descoberta de que possuia pouco tempo de vida, também acelerou o desejo antigo de se casar e ter uma grande festa para celebrar a união. A primeira parte do sonho foi realizada nod ai 15 de agosto, no Fórum de Teixeira de Freitas, com a união civil. Milena e Leonardo Moreira, 23, conseguiram conjugar o matrimônio após proclamar urgência no cartório da cidade.

Graças ao suporte de diversas pessoas - incluindo empresários e outros moradores da cidade - que conheceram sua história no último final de semana, o desejo da jovem se tornou completo no dia 19 de agosto, quando a menina comemou com um megaevento na maior casa de festas do município.

"Vou ter a festa dos meus sonhos, e até melhor do que eu sonhei", comentou a jovem, à época, em entrevista ao CORREIO.

Às pressas
A realização do sonho de Milena, que já se locomovia com o auxílio de uma cadeira de rodas e perdeu os movimentos da cintura para baixo, começou a ser desenhada após um membro da igreja que a jovem e a família frequentam ter "ouvido um chamado de Deus".

"A gente veio trazer a Santa Ceia na casa dela. Quando eu desci as escadas, o Espírito Santo me disse: 'faz o casamento de Milena às pressas'", contou Rosane Oliveira, 39, intermediária da mensagem divina.

Em duas semanas, a decoração da igreja, o bolo e até as alianças dos noivos já estavam garantidas por Roseane. Os papéis para o casamento no civil também foram logo adiantados por ela.

Na terceira semana, a roupa dos dois, o cabelo e a maquiagem da noiva também foram oferecidos por pessoas que conheciam a menina. “Foi então que eu perguntei a ela se ela queria uma festa com tudo aquilo que Deus tinha para ela, e ela me disse que sim”, relembra Rosane.

Repercussão
A conclusão do sonho foi viabilizada depois que o jornalista Lauro Runn, do jornal SulBahiaNews, divulgou a história da moça através de um vídeo que viralizou na internet.

“Eu estava trabalhando na rua com uma matéria e tive uma dor no joelho. Fui para a loja de uma amiga minha e, quando entrei, tinha uma moça contando a história de Milena. Eu logo liguei para minha redação e pedi para divulgar a história. Foi um sucesso! Em 24 horas, teve mais de 100 mil curtidas. O Brasil todo começou a me ligar para conhecer Milena”, relatou à reportagem.

Após a gravação de um video, diversas pessoas entraram em contato com Lauro para saber como ajudar a menina. Os apoios, então, se tornaram realidade e a festa, avaliada em R$ 50 mil, conta até com comissão de casamento.

“A proporção foi tão grande que eu me vi com essa estrutura inteira na mão para fazer uma festona. Tem cerimonialista e uma pessoa para cuidar da cozinha”, comentou.

Feliz e apreensiva
O festão de casamento de Milena e Leonardo foi “com tudo que tem direito e muito mais”, como a própria noiva definiu, comemorando. Vestido branco, DJ, espaço, luzes, decorações, buffet. 

“Antes ia ser tudo simples, com a festa na igreja e com um bolinho só para a família, com refrigerante e salgadinho na minha casa. Nós ficamos sem palavras para agradecer”, declarou Milena, que vivia numa casa humilde na periferia de Teixeira de Freitas. 

A festa inteira foi realizada com as doações. O CORREIO tentou contato com o jornalista que ajudou Milena, mas não obteve retorno.




Parceiros

Central de transmissão:Rua Dezesseis Quadra 26 Número 33-E 1º Andar Sala 02 Fazenda Coutos Salvador - Bahia Cep: 40.731-140
Copyright (c) 2018 - Radio Energia Salvador - Todos os direitos reservados